Lógica Simbólica 2

Mensagens ocultas (e egoístas?)

O primeiro post sobre Lógica Simbólica já fez 8 meses e, desde aquela época, tenho observado e tentado, insistentemente, descobrir qual é o real significado por trás de qualquer mensagem que recebo.

Como dissemos naquela época, toda comunicação tem uma mensagem primordial, que pode estar ingenuamente perdida ou maliciosamente oculta. Sabendo disso, cabe a cada um de nós desvendar esse objetivo, seja quando recebemos ou transmitimos alguma mensagem.

A mais chocante conclusão que tive ao observar e ler muito sobre o tema é que grande parte da Lógica Simbólica é egocentrada, ou seja, serve principalmente para satisfação pessoal.

Pare para pensar honestamente por um instante. Quando alguém escreve um email, por exemplo, cheio de nuances, dados, informações e riqueza gramatical, talvez a mensagem oculta que o autor do email queira passar, mesmo sem saber, é de que se trata de alguém altamente capacitado. Do contrário, um email mais objetivo serviria.

Essa necessidade oculta de auto promoção não é novidade no meio acadêmico, veja o que diz Chiavenato: “O comportamento humano é orientado para objetivos pessoais: subjacente a todo comportamento humano, existe sempre um impulso, desejo, necessidade, tendência, expressões que servem para designar os motivos do comportamento

Em suma, o comportamento humano é motivado pela satisfação de suas necessidades. E não é só nos emails ou conversas que podemos observar a Lógica Simbólica.

O jeito que nos vestimos ou como nos portamos, os quadros que temos em casa, nosso tom de voz e qualquer maneira de comunicação trazem consigo uma mensagem oculta e egoísta (pelo menos, na maioria das vezes). Mais um motivo para cuidarmos de como estamos nos conectando com os demais.

Essa mensagem oculta, pode estar associada a uma das teorias de Immanuel Kant, que dividiu o conhecimento em intuições (adquiridas a partir da sensibilidade direta do mundo) e em conceitos (que provêm indiretamente de nossa compreensão).

A Lógica Simbólica seria, portanto, um conceito que só pode ser compreendido com a utilização de muito raciocínio e não através dos nosso sentidos.

A compreensão profunda de uma mensagem é de extrema importância em nossas vidas. Nas relações pessoais temos a oportunidade de uma interação mais harmoniosa, se houver entendimento das necessidades de ambas as partes.

No âmbito profissional, a vantagem é ainda mais óbvia, entender o que um chefe ou clientes realmente querem, por exemplo, é uma das principais intenções de um briefing e uma das etapas mais essenciais para o sucesso de um projeto.

Então, atenção! Seja um entusiasta do entendimento das motivações humanas, compreendendo a Lógica Simbólica podemos revolucionar e simplificar nossas interações, tornando nossas vidas mais objetivas e verdadeiras.

 

Administração, Idalberto Chiavenato, 2014. O Livro da Filosofia, diversos autores, 2011.

Quem leu esse post, acessou também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *